Marketplace

Como funciona o rastreamento da Shopee: saiba tudo que precisa

Imagem ilustrativa de rastreamento da Shopee

Veja o que você irá encontrar neste artigo

Quando o consumidor compra um produto, ele não quer saber quem é ou não é o fornecedor daquele produto. A reputação em jogo é sempre da loja que vendeu o produto e, por isso, o recurso de rastreamento da Shopee pode ser muito útil para quem trabalha com compras no marketplace da Cingapura.

Saber como fazer entregas de loja virtual exige muito mais do que apenas contratar uma outra empresa, não é mesmo? É preciso avaliar preço, prazo, qualidade e, é claro, transparência. A boa notícia é que o último item é cada vez mais fácil de ser encontrado, até mesmo quando a sua entrega depende de fornecedores externos. E é por isso que você precisa saber mais sobre como funciona o rastreamento da Shopee.

Afinal, o marketplace da Cingapura não é uma opção preferida apenas pelos consumidores brasileiros, já que os empreendedores por aqui também apostam bastante na variedade dos produtos disponíveis na plataforma. Ou seja, o lojista atua como um revendedor, fazendo a ponte entre os produtos importados e o consumidor final. Mas isso também exige uma série de responsabilidades, certo?

Uma das mais importantes é garantir a transparência e, por isso, entender como acompanhar e rastrear os pedidos feitos na Shopee é muito importante. O que acha, então, de tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e começar a utilizar a enorme quantidade de informações disponíveis para melhorar cada vez mais a experiência dos seus consumidores? Continue a leitura deste artigo e confira!

Como funciona o rastreamento da Shopee?

O rastreamento da Shopee nada mais é do que um serviço disponível na plataforma para que os clientes acompanhem o status dos seus pedidos. Basta ter acesso ao aplicativo para que você possa acompanhar todas as informações possíveis sobre a localização do item que foi comprado. A partir disso, você pode fazer contato com o seu consumidor e também se organizar internamente para as próximas etapas.

Uma das vantagens desse recurso é que é possível acompanhar todo o trajeto do produto, inclusive nas etapas em que ele está em território internacional. Ou seja, você, de fato, tem uma visão completa de tudo o que está acontecendo. E o melhor de tudo: não é preciso fazer muito para acessar todas essas informações em tempo real e gerenciar o seu negócio de forma ainda mais completa.

Como rastrear os pedidos da Shopee?

O que acha, então, de conferir um passo a passo para rastrear os seus pedidos da Shopee e manter a transparência com seus clientes? Confira as dicas!

1º passo: acesse a sua conta

Antes de mais nada, você precisa acessar a conta em que fez a compra internacional ou nacional. Você pode usar o site ou até mesmo o aplicativo para ter todas essas informações.

2º passo: selecione a opção “Minhas Compras”

Dentro da página do seu perfil na Shopee, você vai ver o ícone “Minhas Compras”, em que pode conferir todos os dados e informações mais pertinentes sobre o item que você acabou de comprar.

3º passo: acompanhe em “A Receber”

Enquanto você pode conferir as mais variadas informações nessa aba, você deve selecionar o ícone “A Receber” para conferir os detalhes sobre os pedidos que você ainda não recebeu.

4º passo: selecione o item certo

Se você está trabalhando como revendedor dos produtos Shopee, é muito provável que tenha uma série de itens dentro desse status, não é mesmo? Por isso, é muito importante se certificar de que está selecionando o produto referente ao pedido que você quer confirmar. Especialmente se fizer vários pedidos de um mesmo item, pode ser que a quantidade de informações acabe atrapalhando o seu controle.

5º passo: clique em “Informações de envio”

Agora você vai ter acesso aos dados que precisa para acompanhar o seu pedido. Como política da Shopee, eles informam tudo o que você precisa desde a saída do Centro de Triagem Internacional da plataforma. Ao chegar no Brasil, o produto passa a ter um código de rastreamento dos Correios, que vai servir como o seu guia ainda mais completo para as próximas etapas.

6º passo: copie o seu código de rastreamento

Por mais que a Shopee siga detalhando informações em seu site e aplicativo, você pode utilizar o código de rastreamento para ter mais detalhes. Basta copiá-lo e utilizá-lo no próprio site do Correios ou em outras plataformas de logística, como o Melhor Envio.

7º passo: mantenha seu cliente informado

Agora que você já tem todas essas informações em mãos, é preciso seguir para outra etapa muito importante: manter a transparência com seus clientes. O ideal é que você mantenha uma comunicação ativa pelo canal de atendimento escolhido, fazendo com que o consumidor saiba exatamente quando o seu produto vai chegar e você possa ter o controle interno de tudo o que está acontecendo.

Quando esse recurso é útil?

Mas quando o rastreamento da Shopee pode ser útil para a sua loja virtual? Acredite, ele ajuda mais do que você pode imaginar. Confira!

Transparência com o consumidor

Um dos temas mais relevantes atualmente é a confiança entre uma loja e os seus consumidores, não é mesmo? Ter o controle da logística do seu pedido é uma forma de aumentar a transparência com os seus clientes. Afinal, o seu negócio fez a venda, certo? Então é você que deve fazer o intermedio de todo o trajeto com as informações necessárias para quem realizou a compra.

Você poderia simplesmente avisá-lo que a compra foi processada e ficar algumas semanas sem respondê-lo. Mas qual é o impacto disso na reputação da sua loja e na relação com o consumidor? Sendo assim, utilizar o código de rastreamento da Shopee garante que você tenha todas as informações necessárias para deixar o seu cliente ciente de todas as etapas até que o produto chegue em seu destino final.

Imagine o seguinte cenário: o cliente fez uma compra no seu e-commerce e está esperando pela entrega há mais tempo do que o informado inicialmente. E se ele entrar em contato com a sua equipe de atendimento? Você vai simplesmente ignorá-lo? Ou vai informar que não tem mais detalhes? Não, você deve utilizar todos os recursos que estão ao seu alcance para aumentar essa transparência.

Controle da logística interna

Um negócio duradouro de verdade tem uma gestão interna muito eficiente e isso passa diretamente pelo controle da sua logística. Quando pensamos em usar o recurso de rastreamento da Shopee, um dos benefícios é exatamente esse maior controle, permitindo que você tenha o máximo de informações sobre o local em que a sua encomenda está e a previsão para entrega.

Isso vai ajudar você a se planejar melhor e garantir que os clientes estejam sempre bem informados. Mais do que isso, vai ajudar a definir os próximos passos e como o seu negócio deve se preparar. Caso o produto comprado na Shopee seja entregue, primeiro, no seu depósito, você já deve pensar em como vai ser feita a logística seguinte, não é mesmo? Essas informações ajudam no planejamento.

Assim, toda a sua operação não precisa ficar parada no escuro, você pode fazer a cotação de outros serviços posteriores, já se planejando. Além disso, esses dados podem ser muito úteis para corrigir eventuais erros, como um produto que não vai chegar a tempo, fazendo com que você busque por outras soluções com outros fornecedores, por exemplo.

Experiência mais completa de compra

Na era da informação, quem não tem os dados ao seu lado acaba oferecendo uma jornada de compra inferior ao seu consumidor. Quando isso acontece de forma rotineira, a tendência é que o cliente confie menos na sua loja, certo? Sendo assim, utilizar recursos como o rastreamento da Shopee garantem uma experiência melhor e mais completa para os seus clientes.

A partir do momento que o empreendedor tem mais informações e ele repassa ao seu cliente, outro benefício também é a criação de uma relação de confiança entre as duas partes. Especialmente em um momento inicial nessa relação, em que o consumidor está fazendo a sua primeira compra na loja, passar todas as informações possíveis ajuda a conquistar essa confiança.

Para garantir sempre a melhor experiência possível aos seus consumidores, é fundamental que você tenha ao seu lado todos os recursos disponíveis. Saber o que precisa ser feito no rastreamento da Shopee é um exemplo disso, garantindo que você tenha todas as informações possíveis e possa repassá-las para os consumidores, tornando essa relação ainda mais transparente e confiável entre as duas partes.

Quando a gente fala em logística, também é preciso levar em consideração outros temas para garantir que o consumidor fique satisfeito, não é mesmo? Um dos fatores mais importantes, sem dúvida, é o preço para que o produto chegue até o seu destino final. Mas você não sabe como melhorar esses valores? Então deve conferir outro artigo em nosso blog para aprender como calcular a sua taxa de entrega e atrair mais clientes.

Loja virtual com integração de marketplace na Bagy

Vender em Marketplaces é uma opção facilitadora e de alto alcance para lojas virtuais. Por essa razão, muitos empreendedores utilizam essas plataformas para aumentar as vendas e reforçar a presença online. 

Se você já tem ou pretende criar seu e-commerce na Bagy, diretamente no painel de controle é possível integrar com marketplaces e anunciar seus produtos nessas ferramentas, de forma prática.

Os Marketplaces com integração direta na Bagy são:

  • Shein
  • Shopee
  • Amazon

Confira, a seguir, um passo a passo para integrar esses marketplaces em sua loja virtual com a Bagy: 

  1. Abra o seu painel de controle da Bagy;
  2. No canto superior, do lado esquerdo da tela, selecione a opção “Marketplace”;
  3. Escolha uma das plataformas disponíveis no canto esquerdo da tela;
  4. Tenha em mãos as seguintes informações antes de autenticar: 

  • Conta de vendedor na plataforma desejada; 
  • Formas de pagamento, regras de aprovação e recebimento de valores, serão de acordo com o marketplace selecionado; 
  • Os métodos de envio seguem o marketplace;
  • Regras de comissão são cobradas de acordo com o marketplace escolhido;

  1. Realize a autenticação da sua conta de vendedor da plataforma escolhida;
  2. Importe os produtos já cadastrados no marketplace selecionado;
  3. Para finalizar, relacione os anúncios importados do marketplace com possíveis itens disponíveis no seu site Bagy; 

Se, antes de integrar com Marketplaces, você precisa criar seu próprio e-commerce, conheça a Bagy e aproveite a chance de ter uma plataforma que te permita vender todos os dias e em diversos canais.

Jessica Azevedo

Marketing

Graduada em Turismo e pós graduada em Marketing Digital aplicado à Tecnologia da Informação. Tem na bagagem mais de 3 anos em SEO e tem como foco levar os melhores conteúdo para quem quer conhecer mais sobre o mercado digital.

Receba uma análise para impulsionar sua loja!

Preencha no nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas para melhorar suas vendas!

Artigos relacionados

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.