Marketing

SEO para Black Friday: 8 estratégias para vender mais no e-commerce

Imagem ilustrativa para SEO para Black Friday 2023

Veja o que você irá encontrar neste artigo

Estratégias de SEO para Black Friday são fundamentais para potencializar os resultados da sua campanha de vendas. Otimizar conteúdos, usar palavras-chave e fazer parcerias de link building são algumas dicas para atrair mais clientes e vender mais na data.

A cada ano, a Black Friday movimenta mais o e-commerce. São milhões de pedidos, cliques em anúncios e buscas no Google pelas melhores ofertas. Então, se você quer aparecer nas pesquisas dos consumidores e atraí-los para a sua loja, precisa trabalhar o SEO para Black Friday.

As estratégias de SEO para e-commerce são fundamentais no marketing digital. O Google é um dos principais canais de informação para os consumidores e funciona como porta de entrada para as lojas virtuais. Então, em uma data tão concorrida como a Black Friday, você deve trabalhar para alcançar as primeiras posições dos buscadores, à frente dos concorrentes.

Neste artigo, vamos analisar as principais estratégias de SEO para Black Friday que vão aumentar o alcance e os resultados da sua campanha. Fique conosco para saber o que fazer nesta data.

A importância do SEO para Black Friday

A Black Friday é sempre comemorada na última sexta-feira do mês de novembro. Em 2023, a data cai no dia 24 de novembro, conforme a pesquisa ‘Panorama do Consumo na Black Friday 2023‘ conduzida pelo Grupo Globo, é esperado um crescimento significativo no varejo, especialmente durante os últimos meses deste ano.

No que diz respeito ao e-commerce, as projeções apontam para um aumento de 10% no faturamento em 2023, totalizando 186 bilhões de reais, segundo dados extraídos do mesmo estudo.

Mas as lojas começam a se movimentar muito antes disso: as ofertas já começam no início do mês, muitas vezes chamado de “Black November”. E, depois da data, continuam na segunda-feira seguinte, chamada de “Cyber Monday”, ou até depois disso.

Em todo esse período de vendas, a concorrência aumenta, e todas as lojas querem se destacar. Como os buscadores são uma das principais fontes de informação para a compra, um dos canais de maior disputa pelos lojistas é a página de resultados do Google.

Lá, os consumidores estão pesquisando dados dos produtos, melhores preços, condições de pagamento, dicas de compras, entre outras informações. Segundo o relatório State of Search Brasil, tanto nas compras online quanto nas físicas, o Google e outros buscadores são o principal canal de pesquisa antes de adquirir um produto.

Isso significa que os mecanismos de busca são essenciais no processo de compra e devem estar nas suas estratégias de marketing digital. Em datas especiais como a Black Friday, são ainda mais imprescindíveis diante da concorrência. Então, uma campanha de SEO para Black Friday pode potencializar os resultados do e-commerce neste período.

Dessa forma, você consegue aumentar a visibilidade do seu negócio, em uma temporada intensa de compras, e atrair tráfego de qualidade, já que são pessoas interessadas em comprar naquele exato momento. Com isso, o SEO é capaz de aumentar as vendas do e-commerce, o que deve ser seu principal objetivo na Black Friday.

Além disso, uma boa estratégia de SEO para Black Friday contribui para reduzir os custos com mídias pagas, que são bastante utilizadas em campanhas de vendas. Quanto mais clientes e conversões você atrair dos buscadores, menos precisa investir em anúncios.

8 estratégias de SEO para a Black Friday

As estratégias de SEO para Black Friday têm o objetivo de atrair mais clientes para o seu e-commerce, mas também contribuem para aumentar sua autoridade na internet, fortalecer a sua marca e melhorar a experiência de compra. Conheça agora quais são as principais:

1. Pesquisa de palavras-chave

A pesquisa de palavras-chave embasa o planejamento de pautas e otimizações da campanha de SEO para Black Friday. Você pode usar ferramentas como Semrush, Keyword Tool e Google Trends para ter mais ideias e dados sobre termos.

Uma boa pesquisa identifica os termos de maior volume de busca, além de concorrência por eles. Um termo com menos buscas, mas também menos concorrência, pode ser uma boa oportunidade de vendas na Black Friday.

A palavra “celular”, por exemplo, deve ser um dos termos mais pesquisados e concorridos da Black Friday. Mas, dependendo do nicho da sua loja, você pode investir na palavra-chave “capa para celular”, certamente com menos buscas, mas também com menos concorrência e grande potencial de vendas.

Então, quando você identificar os termos com melhores oportunidades de vendas, eles devem ser aplicados nos conteúdos, tanto nas páginas de produtos quanto em posts de blog. Eles devem aparecer no título, na URL, no primeiro parágrafo, na descrição da página, no texto alternativo das imagens, entre outros locais.

Mas não se preocupe em usar a palavra-chave exata, nem a repetir exaustivamente. O Google já tem inteligência para entender significados, sinônimos e variações, bem como o sentido de um texto. Mais importante é oferecer uma boa experiência ao usuário.

2. Otimização de conteúdo

A partir da pesquisa de palavras-chave, você pode criar conteúdos que atendam aos principais interesses dos consumidores na Black Friday. Os principais termos de produtos, com maior potencial de vendas no período, merecem a criação de páginas específicas.

Você pode criar páginas de produtos em oferta com conteúdos relevantes sobre eles — guias de compras, dicas de uso, comparativos etc. Antes mesmo da data, você pode lançar essas páginas, com um formulário de cadastro para avisar quando a oferta estiver no ar. Assim, você já cria uma audiência engajada, que vai voltar para comprar os seus produtos.

Nessas páginas, crie textos e imagens atraentes, que se diferenciem dos concorrentes e das informações padronizadas que os fornecedores enviam. Capriche nos títulos e descrições, para que o consumidor se sinta atraído pela sua loja.

Ofereça dados e informações que realmente ajudem o consumidor a comprar. Lembre-se de que a Black Friday sobrecarrega o comprador com tantas ofertas e informações. Então, quanto mais você facilitar a experiência de compra e a tomada de decisão, mais satisfeito o cliente deve ficar.

3. Otimização técnica

Uma parte importante do SEO para Black Friday envolve questões mais técnicas. Estamos falando do SEO técnico, que trabalha nos códigos e na estrutura do site para melhorar o rastreamento pelo robô do Google e a experiência dos usuários nas páginas.

Uma das principais ações do SEO técnico é tornar o site mais rápido. Na Black Friday, especialmente, os consumidores não querem perder um segundo de espera, porque as melhores oportunidades acabam logo. Então, é preciso otimizar os códigos, as imagens e os servidores para melhorar a sua velocidade de carregamento.

Grande parte das compras acontecem pelo celular. Então, você também deve ter um site que funciona bem e carrega rapidamente no smartphone. Não complique a vida do usuário no dispositivo que ele mais utiliza para fazer compras. Para isso, tenha um site responsivo, que se adapta a qualquer tamanho de tela.

No SEO técnico, você também deve se preocupar com a estrutura de URLs, de maneira que elas sejam informativas e reflitam a hierarquia entre as páginas. Nada de usar URLs cheias de números e códigos, ok?

Além disso, na Black Friday, você pode utilizar dados estruturados para marcar informações importantes das páginas de produtos, como preço e estoque. Assim, essas informações aparecem já na página de resultados do Google e se destacam dos outros links.

4. Link building estratégico

Em SEO, o básico já faz muito diferença. Mas, se você quer mesmo se diferenciar dos concorrentes, o link building pode ser o centro da sua estratégia.

O link building tem o objetivo de conquistar links de sites externos, que transmitam autoridade e confiabilidade para a sua loja virtual. Se você tem relações com outros sites em que o Google confia, a sua loja ganha pontos no buscador. Porém, essa estratégia não depende apenas de você. Depende de terceiros, e por isso tem um valor enorme para o Google.

Para ganhar backlinks de terceiros, comece mostrando que você merece. Produzir conteúdos de qualidade, diferenciados em relação aos concorrentes, é uma forma de ganhar links naturalmente, sem precisar correr atrás deles.

Mas você também pode adotar estratégias para conquistar backlinks de sites relevantes. Entre em fóruns, blogs e grupos que tenham interesse nos seus produtos e participe, não apenas divulgando seus links, mas também mostrando que você é uma referência no assunto. Além disso, crie relações de parceria com outros sites, de maneira que eles mencionem seus links.

5. Otimização de imagens e vídeos

Imagens e vídeos têm poder no e-commerce. Eles podem ser decisivos para uma compra, principalmente se forem atrativos, bem feitos e informativos. Então, na Black Friday, invista nesses formatos de conteúdo, que também ajudam a rankear no Google. 

Para ajudar o consumidor na sua decisão de compra, crie vídeos com o produto em uso e sugestões de como ele pode ser mais bem aproveitado. Nas imagens, explore vários ângulos e utilize uma boa iluminação para valorizar o produto. Permita que o usuário dê zoom e veja mais de perto todos os detalhes.

Na hora de incluir as imagens no site, cuide o tamanho. Elas não podem ser tão pesadas a ponto de atrasar o carregamento das páginas. Você pode utilizar formatos comprimidos que não perdem qualidade (PNG ou WEBP, de preferência). Além disso, inclua textos alternativos, que servem para leitores de tela, mas também para o robô do Google entender a sua imagem.

6. Campanhas de redes sociais

A campanha nas redes sociais também contribui para o SEO na Black Friday. Sabe aqueles termos que você selecionou com maior potencial da vendas? Então, são eles que você vai trabalhar nas redes sociais também, tendo como objetivo aumentar o tráfego e fortalecer seu rankeamento nessas palavras-chave.

Você pode criar posts destacando esses termos e as ofertas relacionadas a eles, além de compartilhar os links das páginas de ofertas da campanha nas redes sociais e incentivar que os usuários também compartilhem.

De mesma forma que o SEO, uma campanha nas redes sociais não exige que você invista diretamente em mídia. Mas, para ter maior alcance e atingir o seu público-alvo, você também pode patrocinar posts e anúncios.

7. Monitoramento e análise

Depois de lançar a campanha de SEO para Black Friday, fique de olho nas métricas. Elas vão dizer se as suas estratégias foram no caminho certo e o que é possível melhorar.

Ferramentas de análise de SEO, como Google Analytics, Google Search Console e Semrush oferecem dados para monitorar o desempenho do site nas palavras-chave. Acompanhe o tráfego, a taxa de conversão e o posicionamento do site durante a campanha, de olho nos resultados que o Google e cada termo geram.

Monitore também os movimentos da concorrência e identifique oportunidades de melhorias. Talvez algum concorrente esteja à frente de você em determinada palavra-chave, então você pode intensificar a campanha para aquele termo e buscar uma melhor posição no Google.

8. Preparação para a próxima Black Friday

Quando você menos esperar, a próxima Black Friday vai bater à sua porta. Então, não deixe para pensar nela só quando estiver perto da data: já se comece a preparação para o ano que vem quando terminar a Black Friday desse ano.

Para isso, registre os resultados em relatórios, com uma avaliação da equipe sobre a estratégia de SEO para Black Friday. Anote o que melhor funcionou e o que pode melhorar, os produtos que mais venderam a partir dos buscadores e os termos que tiveram melhor desempenho.

Eai, preparados para a Black Friday?

Lembre-se que a Black Friday pode acabar, mas as vendas seguem. Então, continue otimizando o site e criando conteúdos pensando no longo prazo. Assim, você vai chegar na próxima Black Friday mais bem preparado para as vendas.

Para o sucesso da sua campanha, é importante também ter uma parceria de confiança com uma plataforma de e-commerce. Então, conheça agora a Bagy e saiba como podemos ajudar a sua loja a vender mais!

Jessica Azevedo

Marketing

Graduada em Turismo e pós graduada em Marketing Digital aplicado à Tecnologia da Informação. Tem na bagagem mais de 3 anos em SEO e tem como foco levar os melhores conteúdo para quem quer conhecer mais sobre o mercado digital.

Tenha um site pronto para sua loja vender!