Gestão

O que é logística, por que é importante e quais os tipos?

Imagem ilustrativa de o que é logística

Veja o que você irá encontrar neste artigo

Mais do que pensar em alternativas para oferecer produtos mais atrativos para os seus clientes, também é preciso olhar para a experiência de cada um deles. Por isso, saber o que é logística e como esse processo afeta os resultados da sua loja virtual é fundamental para seguir competitivo em um mercado tão concorrido e exigente.

Além dos produtos vendidos e dos preços praticados por uma loja, o planejamento estratégico é parte essencial para o sucesso de qualquer negócio. E, dentro desse campo, existe mais um específico que merece a sua atenção: entender o que é logística.

Parte direta na experiência dos clientes e, consequentemente, no sucesso da sua loja, pensar em como estruturar um processo logístico eficiente é essencial para ter bons resultados. É a partir desse planejamento que se torna possível criar fluxos otimizados para garantir que os produtos da sua loja cheguem e saiam sempre no momento certo.

O que acha, então, de tirar todas essas dúvidas sobre o assunto? Para ajudar a esclarecer todas essas questões, preparamos um conteúdo completo sobre o tema para saber exatamente o que é logística, as diferentes estratégias que podem ser aplicadas, os benefícios e os cuidados para garantir uma operação eficiente. Continue a leitura e confira!

O que é logística?

A logística é o processo operacional para o recebimento e entrega de mercadorias de uma loja virtual. São todas as atividades que garantem a chegada de um item para o estoque de um e-commerce, por exemplo, ou mesmo o transporte para levar desse local até que o que foi comprado chegue ao seu cliente final.

Se trata de uma questão que envolve o transporte e armazenamento de mercadorias. Enquanto uma loja física precisa lidar com outros desafios, a ideia aqui é proporcional para a versão virtual de uma loja. Ou seja, é um fator essencial para que um e-commerce consiga atender as demandas dos seus consumidores de maneira satisfatória.

Para que serve a logística?

O principal objetivo da logística é garantir que o produto comprado em um e-commerce seja entregue ao cliente final. A forma como isso será feito pode variar — como vamos mostrar ao longo deste conteúdo —, mas a intenção é sempre essa. Fazer com que o item deixe um armazém ou centro de distribuição e chegue ao cliente.

Basicamente, portanto, esse é o elemento fundamental para permitir que o e-commerce funcione de maneira eficiente. Sem esse cuidado com o processo de entrega e transporte, a experiência do cliente pode ser prejudicada diretamente. A logística busca organizar esses fluxos para que a operação funcione sem maiores problemas.

Como a logística funciona na prática?

Para entender o que é logística e como ela funciona na prática, é preciso saber quais são as etapas que fazem parte desse processo. Para uma loja virtual, elas seguem o seguinte formato:

  • Escolha de fornecedores: antes de mais nada, é preciso definir quem são os fornecedores da sua empresa, ou seja, quem vai entregar os produtos (ou matéria-prima) que vão ser revendidos aos seus clientes finais;
  • Compra dos produtos: em seguida, a sua loja deve fazer a compra desses itens a serem revendidos para os seus clientes;
  • Armazenamento: depois de comprar os produtos, é preciso definir onde eles vão ser armazenados enquanto não são vendidos, em um local que seja acessível, mas que também não signifique um custo muito alto para a sua loja;
  • Preparação: o envio do produto não pode ser feito de qualquer maneira, o que reforça a importância de cuidados como as embalagens, que devem ser pensados na preparação dos itens para que eles cheguem em perfeito estado para os clientes;
  • Entrega: a última etapa é a entrega do produto, com a embalagem, todo preparado, apenas sendo direcionado para o seu destino final, o que geralmente acontece com um fornecedor logístico atuando no transporte do item.

Qual a importância da logística?

A satisfação do cliente deve estar sempre em primeiro lugar para que o seu negócio seja próspero e lucrativo, certo? Portanto, garantir que o pedido seja entregue no prazo estipulado no momento da compra é o mínimo que você pode garantir ao seu consumidor para que ele tenha uma experiência positiva com a sua marca.

Com a confiança abalada na sua marca, as chances de o consumidor voltar a comprar com você são muito menores. Da mesma forma que o cliente valoriza a empresa que fornece um serviço de qualidade, não tenha dúvidas de que uma experiência negativa vai impactar no processo de decisão da próxima compra.

Como abordamos durante o artigo, administrar uma loja virtual exige muita atenção em todas as operações, especialmente quando se fala na gestão da logística no e-commerce. Garantir que o processo de pós-venda seja tão bom quanto a experiência do consumidor antes da compra finalizada é fundamental.

Mas a gestão da logística no e-commerce não se resume apenas ao tempo de entrega, mas também abrange como a empresa lida com problemas no pós-venda. Estudos apontam que mais de 70% dos consumidores analisam os termos de devolução do lojista antes de fecharem negócio.

Portanto, como ignorar um setor do seu e-commerce que tem tamanha importância no poder de decisão dos consumidores e requer ainda mais atenção para fornecer um trabalho eficiente e de qualidade devido ao impacto de fatores externos? É simplesmente inviável pensar no desenvolvimento de lojas virtuais sustentáveis sem um cuidado especial com a logística.

Quais os tipos de logística?

Como falamos anteriormente, existem diferentes tipos de logística. Entender mais sobre cada um deles é essencial para identificar a melhor opção para o seu e-commerce. Confira!

Suprimentos

A logística de suprimentos envolve todas as questões relacionadas ao envio e armazenamento de insumos e/ou matéria-prima. Para negócios que atuam com artesanato, por exemplo, é o processo logístico ideal, garantindo a entrega desses materiais para a posterior criação de um produto para ser vendido em seguida.

Reversa

A logística reversa é o processo que garante o recolhimento e encaminhamento adequado de um produto após uma venda ou consumo daquele item. Esse conceito também é utilizado para a operação com o objetivo de realizar uma troca ou devolução para um cliente, por exemplo, pegando o item no destino final, levando de volta para o centro de distribuição.

Distribuição

A logística de distribuição é um processo menor dentro de um fluxo mais complexo para garantir a entrega dos produtos até o cliente final. Nesse caso, pode ser uma loja virtual comprando um item para revenda, ou pode ser utilizada para a distribuição na etapa final, com o consumidor comprando em um e-commerce, por exemplo.

Verde

A logística verde tem como principal objetivo adotar práticas mais sustentáveis ao longo do processo logístico de uma loja virtual. A ideia é encontrar formas de reduzir os custos e o impacto daquela operação no meio ambiente. Um exemplo pode ser utilizar transportes menos poluentes ou mesmo criar rotas mais inteligentes.

Digital

A logística digital é uma evolução do processo logístico tradicional, com a sua principal diferença sendo a adoção de conceitos inovadores e tecnologias que contribuem para a criação de um fluxo mais eficiente e automatizado. A partir da Internet das Coisas, Big Data e até mesmo computação em nuvem.

Integrada

A logística integrada ou de produção é uma estratégia dentro do conceito de logística, com o propósito de tornar mais eficiente esse fluxo de trabalho. Em vez de criar processos muito distantes e sem conexão, a intenção é integrar diferentes rotas para, assim, possibilitar que a logística se torne otimizada.

Como criar um planejamento dentro da logística?

Além de entender qual é o melhor formato de logística para o seu e-commerce, é preciso saber como estruturar um planejamento logístico. Que tal conferir algumas dicas?

  • Sempre verifique os produtos recebidos: seja matéria-prima, seja o produto final, é fundamental verificar todos os produtos que são recebidos no processo de logística do seu e-commerce, evitando que algum item seja entregue em condições ruins para o cliente final;
  • Controle o estoque: a gestão do seu estoque ou armazém também é essencial, com o intuito de ter a certeza de que produtos vendidos no seu e-commerce estão, de fato, disponíveis para que o consumidor possa comprar;
  • Cuidado com o picking: essa etapa é essencial para garantir o controle também dos seus produtos, evitando que uma mercadoria seja enviada para o destino errado, por exemplo, sendo fundamental para oferecer uma melhor experiência ao cliente;
  • Documentação: as questões burocráticas também muito relevantes para o melhor funcionamento dos processos de logística, o cuidado aqui é não deixar que um erro com essa documentação acabe gerando problemas mais sérios futuro.

Como reduzir custos operacionais da logística?

O passo inicial para a redução dos custos operacionais da logística do seu e-commerce pode parecer simples, porém, não é levado a sério como deveria por boa parte dos administradores no país — estamos falando do planejamento. Sim, apenas com um planejamento muito estruturado, é possível entender o que você pode fazer para otimizar os processos que estão sendo realizados.

Além disso, monitorar constantemente as suas estratégias de vendas e ações é o diferencial para evitar que um pequeno problema se torne uma dor de cabeça maior e acabe por comprometer todo o funcionamento do seu e-commerce.

Com uma imagem clara de todos os setores envolvidos no processo de logística da sua loja virtual, é possível identificar quais etapas podem ser modificadas para conseguir gerar uma redução nos custos operacionais.

Dessa forma, negociar com os seus fornecedores pode ser uma estratégia eficiente para a redução. Apresente os dados dos produtos vendidos e negocie descontos para determinados itens por conta do alto índice de vendas, por exemplo. Assim, além de reduzir os gastos com o fornecedor, você pode transferir esse desconto ao consumidor, permitindo que você ofereça um preço mais competitivo no mercado.

Como falamos, a gestão do estoque também é importante para entender quais produtos têm maior saída e quais não estão sendo vendidos da maneira esperada. Assim, fica mais simples identificar quais itens devem ser priorizados na hora da compra com o fornecedor e quais você deve evitar comprar em grandes quantidades no futuro.

O que são e como funcionam os centros logísticos?

Quando se fala em logística, é muito importante entender também sobre o que é um centro logístico. Em resumo, se trata do espaço utilizado por uma loja virtual para centralizar todas as operações relacionadas ao armazenamento, preparo e distribuição dos seus produtos.

Não é apenas um local em que os itens vão ser armazenados, é um espaço que exige uma maior integração operacional para que diferentes fornecedores possam trabalhar em conjunto para assegurar o melhor funcionamento da operação completa. Para lojas maiores e com um grande volume de vendas, é um elemento essencial na questão logística.

Qual a diferença entre centro logístico e armazém?

Outra questão importante que precisa ser esclarecida quando se pensa nesse assunto é saber mais sobre qual é a diferença entre um centro logístico e um armazém. Apesar dos dois serem locais destinados para guardar mercadorias de uma loja virtual, por exemplo, as metas e objetivos com cada um deles são bastante diferentes.

Um centro logístico é uma estrutura desenvolvida pensada em um processo específico para a chegada e retirada de produtos. Ou seja, um local em que o transporte e os pontos de contato vão ser constantes por ali, garantindo um fluxo operacional para que as chegadas e as entregas sejam feitas de maneira otimizada.

Enquanto isso, um armazém é mais um espaço destinado para armazenar produtos, sem uma necessidade de entrada e saída mais intensa. Caso o seu e-commerce tenha um estoque e o fluxo de vendas não seja tão rápido, com produtos ficando parados ali por um período, essa é a alternativa mais adequada para o seu negócio.

Entender essa diferença é fundamental para quem quer ter uma operação mais eficiente. Já que cada um desses modelos têm os seus benefícios e limitações. A ideia, então, é entender qual é a necessidade do seu negócio na prática e escolher a solução mais adequada para criar um fluxo de trabalho mais efetivo e otimizado.

Para uma loja pequena que ainda está começando as suas operações e com uma base de clientes ainda reduzida, o armazém pode ser uma alternativa interessante. Enquanto isso, se a sua loja já tem um volume de vendas maior e precisa lidar com muitos fornecedores, talvez o centro de distribuição seja a opção mais indicada.

Quais os desafios relacionados à logística?

Alguns desafios na logística são muito importantes e acabam interferindo no dia a dia de qualquer negócio. Um exemplo disso são os custos operacionais desse processo. Seja para garantir que os itens estejam no local de coleta, seja para ter a certeza de que o produto vai ser entregue no endereço certo e na data definida.

Hoje, já existem diversas ferramentas para o controle de todas as operações da sua loja virtual, inclusive diferentes plataformas de e-commerce que podem facilitar o seu trabalho. Por mais que, muitas vezes, signifiquem um custo mais alto para a sua empresa no momento inicial, em pouco tempo, acabam se pagando.

Com tanta concorrência no mercado, abrir mão das ferramentas disponíveis pode ser um erro grave e acabar por prejudicar o rendimento da sua loja virtual.

Outro tema relevante são os problemas com a gestão do seu estoque. Existem softwares voltados para isso, que facilitam o controle de todas as movimentações, otimizam a utilização do espaço disponível para o armazenamento dos produtos e podem garantir maior eficiência no momento de preparação dos pedidos.

Na prática, isso vai ajudar a evitar erros, como o envio de mercadorias diferentes para um cliente que não realizou aquela compra.

Além disso, um sistema de rastreamento das encomendas também é importante para o bom funcionamento do seu planejamento.

Existem sistemas simples que ajudam a monitorar o controle das entregas e o cumprimento dos prazos, encontrando rotas mais eficientes para que cada entrega gaste o menor tempo possível.

No Brasil, infelizmente, o roubo de cargas ainda é um problema grave, com o país sendo listado entre os mais perigosos e considerado de alto risco pelo Joint Cargo Committee (JCC), um comitê de transportes britânico.

Portanto, adicionar mecanismos de proteção para bloquear o acesso à carga do veículo, por exemplo, pode ser uma forma de diminuir a incidência de roubos.

Portanto, encontrar formas de automatizar os processos de operação no seu e-commerce vai permitir que você possa se concentrar em outras tarefas, mas com a garantia de que o trabalho está sendo feito de maneira eficiente e precisa.

Por mais que, em algumas situações, seja mais difícil realizar investimentos em várias frentes, a automação dos processos pode ser feita de forma gradual e, ainda assim, garantirá bons resultados para o seu e-commerce.

Agora que você já tem todas essas informações, fica mais fácil ter um controle sobre as operações do seu negócio. Seja para escolher o modelo mais ideal, seja para saber qual é o melhor método de armazenamento dos produtos. Quanto mais dados, melhor o processo de decisão e, consequentemente, a experiência do cliente.

Saber o que é logística é apenas o primeiro passo de uma série de tarefas que devem ser feitas para posicionar a sua loja virtual de maneira competitiva no mercado.

Jessica Azevedo

Marketing

Graduada em Turismo e pós graduada em Marketing Digital aplicado à Tecnologia da Informação. Tem na bagagem mais de 3 anos em SEO e tem como foco levar os melhores conteúdo para quem quer conhecer mais sobre o mercado digital.

Receba uma análise para impulsionar sua loja!

Preencha no nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas para melhorar suas vendas!

Artigos relacionados

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.