Descubra como vender nas redes sociais

Como vender nas redes sociais: saiba tudo que precisa para aumentar as suas vendas online

Saber como vender nas redes sociais pode ser um diferencial para quem está começando a atuar no mercado digital, mas é preciso dominar cada ferramenta para ter bons resultados.

Uma das principais estratégias para ter sucesso no mercado é a diversificação, certo? É assim que se torna possível, por exemplo, ganhar dinheiro vendendo coisas simples. Mas para que isso aconteça, é necessário diversificar os canais utilizados não apenas para se comunicar com os clientes em potencial, mas também para fechar negócios. Mas, afinal, como vender nas redes sociais?

Por mais que sejam excelentes canais de comunicação, essas plataformas também podem ser utilizadas para fazer mais vendas. Sim, estudos mostram que mais de 40% dos brasileiros ainda prefere fazer compras em lojas físicas, mas, ao mesmo tempo, o e-commerce brasileiro cresceu 73,88% em 2020 e com a transformação digital a tendência é de continuar muito relevante.

Lembra da diversificação? Especialmente para quem está com dificuldades em conseguir os resultados apenas pela venda física, entrar no mercado digital e explorar o potencial das redes sociais é fundamental. As vendas online podem abrir uma série de oportunidades para o seu negócio. Que tal, então, se preparar para conseguir mais vendas pelas redes sociais?

Continue a leitura deste artigo e descubra!

Por que vender nas redes sociais?

Você sabia que apenas no Facebook são mais de 2,5 bilhões de usuários ativos todos os meses? Que o usuário no Instagram passa, em média, quase uma hora por dia navegando pelo seu feed? No Brasil, esses números são ainda mais impressionantes: a média de uso de redes sociais no país é de cerca quatro horas diárias, segundo um levantamento da Agência de marketing digital Sortlist.

Como ignorar esses números? As redes sociais são muito populares no Brasil e no mundo, portanto, se tornam fundamentais para quem quer começar a vender no ambiente digital. Elas são uma porta de entrada para se comunicar e impactar clientes em potencial. E o melhor: tudo acontece de maneira mais natural dentro dessas plataformas, facilitando ainda mais a interação com a sua audiência.

Sendo relevante dentro das redes sociais, se torna muito mais fácil atrair clientes para a sua loja. Imagine que um consumidor está navegando pelo Instagram e se depara com uma oferta interessante do seu negócio. Com apenas alguns cliques ele pode ser redirecionado para o seu site — que aumenta ainda mais a sua credibilidade — e fechar uma compra.

Dessa forma, as redes sociais têm um papel importante para as lojas no Brasil, funcionam como grandes vitrines online. Com um trabalho bem feito dentro de cada uma delas, um e-commerce consegue se destacar no ambiente digital e, consequentemente, realizar mais e mais vendas. São elas que possibilitam essa conexão natural e orgânica com os consumidores em potencial dos seus produtos.

conteúdo para facilitar a vida de quem vender na internet

Quais são os benefícios de vender nas redes sociais?

Mas, na prática, quais são os benefícios de apostar na venda nas redes sociais?

Presença no local em que os clientes estão

Como você quer vender e ter bons resultados sem estar no mesmo local que a sua persona? Se o seu público-alvo não frequenta uma determinada região dentro da sua cidade, por que você vai abrir uma loja nesse lugar? Esse mesmo pensamento deve ser levado para o cenário digital, o que torna as redes sociais essenciais para quem quer se comunicar com os seus clientes.

Pela simples presença da sua marca nesses canais, a possibilidade de fechar negócios aumenta consideravelmente. Ao se comunicar com eles, é bem provável que se lembrem da sua marca constantemente, permitindo que você esteja sempre atraindo clientes para conseguir mais vendas.

Relevância constante com o engajamento

Quando o trabalho é realizado de maneira eficiente nas redes sociais, o engajamento com a audiência se torna outro ponto positivo. Imagine que você quer aumentar o ticket médio da sua loja. Qual é a melhor maneira de lembrar o cliente sobre outros produtos do seu portfólio que ele pode se interessar? Com a interação dentro das redes sociais.

Um canal no YouTube que apresente, por exemplo, dicas sobre fazer o uso correto de um produto, pode estreitar ainda mais os laços com os clientes. Afinal, a sua marca não está ali apenas para vender, mas para garantir que ele tenha sempre a melhor experiência de compra com a sua loja. Isso estimula o engajamento e, consequentemente, aumenta a sua oferta de valor para vender mais.

Expansão do alcance da sua loja

Outro ponto importante que as vendas nas redes sociais possibilitam é a expansão do alcance da sua loja. Se o seu espaço físico se limita, por exemplo, aos moradores da sua cidade ou região, investir na presença nesses canais e ter um e-commerce permite que você faça negócio com consumidores de todo o país, sempre de acordo com os seus objetivos e necessidades.

Ou seja, se a sua base de clientes era limitada e já não tinha tanto espaço para expansão, isso acaba ao utilizar as redes sociais para vender. Usando as hashtags certas, por exemplo, um consumidor que nunca havia visitado a sua loja ou ouvido falar sobre a marca pode acabar se interessando pelos seus produtos. Para quem procura por maneiras de ampliar o número de clientes, é uma estratégia eficiente.

Como vender nas redes sociais: aproveite as oportunidades nas redes sociais mais populares do Brasil

Mas rede social não é tudo igual, certo? Pensando nisso, separamos algumas dicas para ter sucesso em cada uma das redes sociais mais populares no Brasil, se adaptando aos desafios e recursos que elas oferecem. Confira as nossas sugestões!

Como vender no YouTube

O YouTube recebe, apenas no Brasil, mais de 100 milhões de visitas mensais. Ou seja, divulgar a sua loja dentro dessa rede social pode ser uma forma de criar uma conexão ainda mais próxima com o seu público. Mas o que pode ser feito para se destacar?

Faça links para as páginas de vendas

O usuário precisa entrar no seu canal para conferir um conteúdo e encontrar CTAs bastante específicos. Isso significa que você deve sempre fazer links para as suas páginas de vendas. Imagine que está falando sobre um produto específico em um vídeo, o cliente não pode ter dúvidas sobre onde encontrar o item, não é mesmo? Esses links precisam estar bastante acessíveis.

Grave vídeos curtos e específicos

Mais importante do que a duração de um vídeo, é a sua qualidade. De qualquer forma, é natural que os usuários não queiram assistir dez a quinze minutos de conteúdo para saber mais sobre um produto, certo? Então foque na qualidade e na relevância dos conteúdos, trabalhando temas que realmente sejam do interesse da sua audiência, aumentando a relevância do seu canal e transformando visitas em vendas.

Divulgue depoimentos de clientes

Nada melhor do que a experiência de outros clientes sobre um produto, não é mesmo? Essa validação pode ser muito importante para alguém que ainda está na dúvida sobre comprar ou não aquele item. Utilize a sua base de clientes como forma de atrair outros em potencial. Grave depoimentos de quem já comprou e aprovou os seus produtos e os disponibilize no YouTube.

Como vender no Facebook

O Brasil é o 4º país com mais usuários ativos no Facebook, o que significa que muitos deles podem ser clientes em potencial do seu negócio. Que tal entender o que pode ser feito para se destacar na rede social?

Aposte em conteúdos visuais

Por mais que os textos sejam importantes, os conteúdos visuais são ainda mais importantes para conseguir prender a atenção do usuário. Escolha formatos que diferenciem a sua marca dos seus principais concorrentes e, mais importante, sejam relevantes para a audiência. Não precisa ser nada complexo, o fundamental é tornar o seu conteúdo ainda mais atrativo.

Trabalhe com anúncios personalizados

Existem diferentes formas de promover o seu conteúdo com o Facebook Ads e investir em anúncios personalizados é sempre interessante. Mas existem opções de caminho para se comunicar na plataforma. Uma delas é impulsionando a sua publicação. Ou seja, injetando recursos para que determinado post tenha um alcance maior e gere mais engajamento. Do que está no feed da sua página, você define a mais adequada para alcançar o seu objetivo e a impulsiona.

Outra escolha é a publicação patrocinada. Mais limitada — apenas para quem curtiu a sua página —, é ideal para que a sua audiência tradicional seja impactada. Ou seja, um produto ou oferta para quem já conhece a sua marca, mas com maiores possibilidades de ser visualizado.

Use o marketplace do Facebook

Quanto menos etapas ao longo da jornada de compra, maior a chance de conseguir fazer mais vendas pelas redes sociais. E uma dessas estratégias é utilizando o marketplace do Facebook. Se trata de um espaço destinado para que você anuncie os seus produtos dentro da própria plataforma, permitindo que o cliente não precise nem mesmo mudar de navegador para comprar um produto que gostou.

Como vender no WhatsApp

No Brasil, o WhatsApp está presente em 99% dos celulares conectados. Ou seja, é muito provável que a maior parte dos seus clientes esteja utilizando essa rede social diariamente, não é mesmo? Mas não basta ter uma conta comercial para ter sucesso. Por isso, separamos algumas dicas para você, confira!

Tenha o WhatsApp Business

O primeiro passo para vender com sucesso no aplicativo de mensagens é utilizar a versão específica para negócios: o WhatsApp Business. Já pensou ter que administrar toda a comunicação no canal usando a versão tradicional? O trabalho seria muito maior. Com essa versão profissional, você consegue ter um controle muito maior sobre as suas estratégias e ações na plataforma.

Com esse recurso, você consegue agilizar o atendimento prestado aos seus clientes, especialmente com duas funcionalidades: as mensagens automáticas e as respostas rápidas. Em um dia corrido e com muitas solicitações, esses dois recursos aceleram o seu tempo de resposta, garantindo uma experiência muito melhor para o seu cliente com um atendimento humanizado e eficiente.

Divulgue o seu contato

Os usuários salvam novos contatos todos os dias em seus WhatsApps, não é mesmo? Mas a ideia é facilitar a sua experiência e a loja deve fazer a divulgação constante do seu contato. Disponibilize o endereço nas suas redes sociais para aqueles que quiserem saber mais sobre um produto ou na página do e-commerce, para esclarecer uma dúvida ou fechar uma venda.

Facilitar a experiência do usuário no contato com a sua marca deve ser um objetivo, não é mesmo? Por isso, é importante considerar o recurso de catálogo da plataforma. Assim, sempre que acessar o perfil da sua loja no WhatsApp, o consumidor vai ter acesso ao seu portfólio de produtos. Fotos, descrição e até os valores podem ser apresentados.

Isso elimina barreiras para que a venda seja feita de forma prática e rápida. Afinal, em vez de precisar deixar a conversa e abrir o seu e-commerce, ele pode resolver tudo dentro do WhatsApp. De acordo com a sua estratégia, talvez valha oferecer até mesmo a opção de pagamento, para que ele seja convertido sem precisar mudar de plataforma.

Utilize o recurso do Status

O Stories é um recurso muito utilizado no Instagram para chamar a atenção dos usuários sem ser muito invasivo, e a boa notícia é que o WhatsApp oferece uma funcionalidade parecida: o Status. Conteúdos com duração limitada são compartilhados de forma mais discreta, sem impactar diretamente o consumidor. Mas a mensagem vai ficar disponível ali por algumas horas.

Esse é o canal ideal para realizar promoções e ofertas, já que não está conversando com seus contatos. Quando alguém da sua lista achar interessante o que foi publicado, ele consegue facilmente iniciar uma conversa com o seu perfil. É um recurso simples, mas que pode criar uma série de novas oportunidades a partir das ações do consumidor. Além disso, ele representa uma relação mais natural e menos invasiva.

Crie listas segmentadas

A segmentação é uma estratégia importante para qualquer negócio que deseje impactar consumidores, de fato, propensos a fazerem uma compra. O recurso de etiquetas do WhatsApp permite a criação de diferentes grupos entre os seus contatos. Afinal, a comunicação não deve ser igual para quem já comprou na sua loja e quem ainda não conhece os seus produtos, certo?

A divisão também pode ser feita de acordo com os segmentos. Clientes que costumam comprar determinados artigos ficam juntos, enquanto quem tem interesse em itens de outra seção fica reunido em outra etiqueta. Essa é uma forma de tornar a comunicação mais precisa e relevante para cada um dos contatos da sua base, aumentando as chances de sucesso.

Não crie grupos

O WhatsApp é um canal muito privado, sendo comum que usuários não queiram ser importunados com milhares de mensagens de um grupo cujos participantes eles não conhecem. Dessa forma, é importante não criar grupos com os clientes, especialmente se fizer isso sem pedir autorização prévia. Caso seja uma demanda dos consumidores, a estratégia até pode ser considerada.

O ideal, porém, é apostar nas listas de transmissão do WhatsApp. Esse recurso possibilita o envio de múltiplas mensagens simultâneas para a sua base e cria conversas individuais com os usuários. É uma alternativa menos invasiva de se comunicar, além de respeitar a privacidade desses contatos e poder segmentar o conteúdo para ter mais chances de sucesso.

Como vender no Instagram

De acordo com informações divulgadas pelo próprio Instagram, 9 em cada 10 usuários presentes na rede social seguem uma empresa em seu feed. E 50% deles ficam mais interessados em uma marca ao passaram por um anúncio na plataforma. Mas como se diferenciar dos concorrentes e vender mais?

Crie um conta comercial

Assim como no WhatsApp, você precisa explorar os recursos disponíveis na conta comercial do Instagram. É uma excelente maneira de profissionalizar ainda mais a sua presença na rede social. Sem pagar nada, você consegue acompanhar informações, indicadores e métricas sobre as suas publicações e estratégias, o que ajuda bastante na hora de definir como se comunicar com os seus seguidores.

Aposte na sacolinha do Instagram

Outro recurso muito importante dentro do Instagram é a sacolinha. Ter esse pequeno ícone vinculado nas suas publicações é um diferencial competitivo para quem quer vender mais nas redes sociais. Se trata de uma funcionalidade que o acesso muito mais simples ao produto, fazendo com que o cliente dê apenas um toque para conseguir finalizar uma compra.

Quando esse ícone está disponível na sua página, o usuário só precisa encostar nele para ser redirecionado para o seu e-commerce. Ou seja, você precisa ter um site para conseguir liberar a funcionalidade da sacolinha no seu Instagram.

Interaja com os seus seguidores

A interação é uma das ferramentas mais importantes dentro das redes sociais, não é mesmo? Não adianta publicar conteúdos, ofertas e novos produtos se a sua marca não interage com os seus seguidores. Por isso, é importante ficar sempre de olho nas movimentações dentro do canal para garantir que a troca seja constante e natural dentro do Instagram.

Faça parcerias com influenciadores

Os influenciadores também devem ser explorados na sua estratégia de vendas nas redes sociais. Eles ajudam a garantir maior credibilidade para a sua loja, o que é muito importante atualmente. Além disso, são essenciais para expandir o alcance da sua comunicação, impactando consumidores em potencial que ainda não conheciam o seu negócio.

Utilize o agregador de links na bio

A bio do Instagram é um dos espaços mais importantes para o seu perfil, mas a rede social é um tanto quanto limitadora do que pode ser feito ali. Sendo assim, a melhor maneira de explorar ao máximo o espaço é utilizando o agregador de links. Uma opção é o Bagy.bio, que vai ajudar você a organizar melhor a sua bio, centralizando em um único link todas as informações mais relevantes sobre a sua loja.

Entender como vender pelas redes sociais é o primeiro passo para quem quer fortalecer a sua marca no ambiente digital e conseguir cada vez mais vendas. São os canais mais eficientes para estabelecer um vínculo com a sua audiência e criar uma relação natural e de confiança. Quando isso é bem feito, a tendência é que esse contato se transforme em mais vendas para o seu negócio.

As redes sociais podem ser um caminho importante para conseguir aumentar as suas vendas, mas é preciso sempre ficar de olho em novas estratégias para ter o melhor resultado possível, não é mesmo?

Então, baixe agora nosso Calendário Comercial gratuito e acesse as datas mais importantes para vender nas redes sociais.

Chegou a hora de profissionalizar o seu negócio