Marketplace

Fique por dentro das principais tendências do e-commerce para os próximos anos no Brasil

Imagem ilustrativa de tendências do e-commerce

Veja o que você irá encontrar neste artigo

É essencial ficar por dentro das principais tendências — assim como das estratégias e das novidades do mercado — para aproveitar o cenário de alta no varejo online. Consequentemente, com isso será possível impulsionar as vendas de uma loja online.

Você sabe quais são as principais tendências do e-commerce para os próximos anos? Pesquisas apontam que mais de 70% dos consumidores pretendem continuar comprando pela internet — o que mostra que esse é um hábito que se tornou muito forte por conta da pandemia do novo Coronavírus, mas que veio para ficar.

Por conta desses dados, muitos empreendedores já enxergam oportunidades para expandir os seus negócios, o que já está deixando o mercado digital cada vez mais competitivo. Para ficar à frente dos concorrentes, é preciso conhecer as tendências desse mercado e, por isso, reunimos as principais delas neste post. Acompanhe!

Por que é essencial ficar por dentro das tendências do e-commerce?

Ao criar um e-commerce, é essencial ficar por dentro das principais tendências — assim como das estratégias e das novidades do mercado — para aproveitar o cenário de alta no varejo online. Consequentemente, com isso você conseguirá impulsionar as vendas da sua loja online.

Outro ponto interessante que explica porque é bom ficar de olho nessas novidades é que a adesão ao comércio online e às compras em lojas virtuais não para de crescer. Entre os maiores motivos relatados por quem compra por meio dessa modalidade, é possível citar:

  • as promoções que só são encontradas na internet;
  • os preços praticados — que são mais baixos do que nas lojas físicas;
  • a praticidade de comprar e receber o produto sem precisar sair de casa.

Além disso, existem diversas vantagens em incluir essas tendências no seu negócio e oferecê-las ao seu público. Com essas novas estratégias, é possível:

  •  aumentar a satisfação dos clientes;
  • fidelizar novos compradores;
  • otimizar os processos da sua empresa;
  • aumentar o engajamento do público com a sua marca;
  • simplificar a jornada de compra do cliente;
  • expandir o alcance do seu negócio.

Conheça as principais tendências do e-commerce para os próximos anos no Brasil

Agora que você já entendeu o porquê é essencial ficar por dentro das tendências do e-commerce, precisa conhecer quais são as principais para os próximos anos. A seguir, listamos cada uma delas.

Super Apps

A grande utilização dos smartphones provocou uma grande mudança na maneira como a internet é utilizada pelo mundo. De acordo com uma pesquisa realizada pela Smart Insights, mais da metade de todo o tráfego online é feito por meio de um dispositivo móvel. Segundo a mesma pesquisa, até 2025 a previsão é que esse número aumente em 25%.

Em outra análise, feita pelo Statista, os dados apontaram que 90% do uso da internet em dispositivos móveis é gasto em apps. Também foi constatado que quase 80% desse tempo é dedicado a apenas três aplicativos.

Para que pudessem se adequar a essa tendência de um consumo mais centralizado, alguns aplicativos passaram a agregar diversas funcionalidades em um só lugar — como chat, compras, pagamentos, serviços de delivery e até jogos. Eles são chamados de super apps.

Live Commerce

Durante a pandemia do novo Coronavírus, pessoas que assistiram as lives realizadas por diversos artistas foram apresentadas a um novo tipo de comércio. Durante essas apresentações, era possível apontar o celular para um QR Code que as direcionava para um link de pagamento.

Esses valores poderiam ser correspondentes a uma doação, ao valor de um ingresso ou até mesmo para a compra de um produto. Essa estratégia tem o nome de live commerce e é possível adaptá-la para qualquer negócio — basta você fazer uma transmissão ao vivo, apresentar os seus produtos e oferecer um link de pagamento para que seus clientes possam fazer a compra.

Experiências personalizadas

Personalizar a experiência de compra online é uma tendência que se torna cada vez mais essencial para manter o cliente satisfeito — e, consequentemente, aumentar as vendas da sua loja. Por esse motivo, é uma estratégia cada vez mais popular entre os lojistas.

Já é possível ver isso sendo aplicado em grandes lojas e a tendência é que os pequenos e médios lojistas também passem a utilizar essa estratégia para conseguir impulsionar as vendas. Essa personalização, principalmente por dados, está ainda mais em alta. A dica é utilizá-la no seu negócio, por mais simples que a experiência seja.

Opções de pagamentos adicionais

Outra grande tendência do e-commerce é oferecer diversas opções de pagamento ao consumidor. Isso vale principalmente para os pagamentos rápidos — o que torna qualquer processo de checkout muito mais ágil e descomplicado.

Uma loja online que não oferece esses pagamentos adicionais pode reduzir as vendas e até mesmo perder clientes em um cenário mais pessimista. Pense que as pessoas que utilizam o Pix podem dar prioridade às lojas que o oferecem ao mesmo tempo em que algumas pessoas continuam mais inclinadas a usar o cartão de débito ou crédito que gostariam de ver essas opções disponíveis na sua loja.

Além disso, com esse grande avanço em criptomoedas, os métodos de pagamento estão sendo ampliados — e podem continuar com essa ampliação. Se hoje já é imprescindível oferecer diversas opções de pagamento, em um futuro próximo será quase que uma ordem para que o seu negócio se mantenha competitivo.

Atendimento multicanal

Contar com diferentes canais de atendimento não é só mais uma forte tendência, já passou a ser uma necessidade para melhorar a experiência — e satisfação — do cliente. Aqui, a única preocupação é em contar com uma equipe preparada e boas ferramentas para conseguir atender essa demanda com agilidade e qualidade.

Durante a sua jornada como lojista, você vai perceber que existem os clientes que preferem ser atendidos no chat online da sua loja, enquanto outros preferem usar os canais sociais como o WhatsApp ou o Instagram. Ainda tem aqueles que têm preferência pelo telefone. O importante aqui é avaliar os meios que são mais interessantes para o perfil do seu consumidor e quais deles você conseguirá atender com frequência.

Entrega imediata

Atualmente, um dos diferenciais mais disputados do varejo é a velocidade da entrega. Com isso, os clientes têm se acostumado a receberem seus pedidos um dia depois do pagamento efetuado. Algumas empresas conseguem ir além e realizar a entrega no mesmo dia.

Para acelerar esse processo, grandes empresas como a Amazon e o Mercado Livre estão investindo cada vez mais em fulfillment — uma solução que consiste na disponibilização de grandes espaços em pontos estratégicos. Nesses galpões, toda a operação de armazenamento é feita: o recebimento e a preparação dos pedidos, a emissão da nota fiscal, a entrega e até mesmo o rastreamento dos produtos.

Outra estratégia interessante que tem sido muito utilizada são os centros de distribuição onde o cliente pode retirar a mercadoria que foi comprada pelo site. Dessa maneira, aqueles que preferem não pagar o frete ou precisam de um produto com mais urgência não precisam ficar presos ao prazo de entrega.

Voice Commerce

Os dispositivos que são controlados por comandos de voz já fazem parte do nosso cotidiano. Conversar com a Alexa — a assistente virtual da Amazon —, por exemplo, é normal para cada vez mais pessoas.

Um dos pontos positivos dessa tecnologia é que ela também oferece oportunidades para o e-commerce. Isso porque estima-se que nos próximos 3 anos 40% das transações sejam realizadas — ou pelo menos iniciadas — por meio de um comando de voz. Uma das maiores vantagens de investir nessa estratégia é que ela complementa a experiência multicanal.

Shoppable

As redes sociais já fazem parte do dia a dia de muitas pessoas e nós sabemos o quanto é importante que uma marca esteja presente nesses canais para se relacionar com o seu público. Só que com o número crescente de usuários no Instagram, WhatsApp e TikTok, por exemplo, existe uma forte tendência de que as vendas online também sejam feitas dentro deles.

Ou seja, isso significa que não existe mais a necessidade de ter que acessar a loja online para concluir a compra — como já acontece com a sacolinha do Instagram. Os links de pagamento, ou até mesmo o WhatsApp Pay se tornarão ainda mais populares para que o cliente tenha uma experiência de compra mais rápida e simplificada.

Como adotar essas tendências no seu negócio?

A melhor maneira de adotar essas tendências no seu negócio é, primeiramente, escolher quais delas fazem sentido para a realidade do seu cliente e da sua loja online. Isso porque não adianta querer implementar todas elas achando que, assim, vai sair na frente da concorrência. O que pode acontecer é você não conseguir dar conta de toda a demanda e acabar tendo prejuízo em vez de contar com as vantagens que elas oferecem.

Então, assim que escolher quais delas implementar no seu negócio, uma boa dica a seguir é estudar um pouco sobre cada uma para ter uma noção de como utilizá-las e como trabalhar com elas para que os seus clientes possam se beneficiar delas. Se você optar pelo Live Commerce, por exemplo, é preciso ter em mente que vai precisar de alguns equipamentos para fazer as transmissões ao vivo. Por isso, é bom se preparar com antecedência.

Se optar por implementar o atendimento multicanal — ou omnichannel —, lembre-se de que poderá ser preciso contar com mais pessoas para dar conta da demanda de atendimento. Já se escolher o Shoppable, escolha ferramentas ou parceiros que facilitem esse processo e assim por diante. Aqui, o essencial é estudar o seu negócio para entender o que é aplicável e o que não é.

Como você pôde perceber, existem diversas tendências do e-commerce que continuarão em alta nos próximos anos e que podem elevar o nível da sua loja online. Escolha com sabedoria quais delas implementar no seu negócio para conseguir aproveitar todas as vantagens que elas oferecem — como uma experiência de compra diferenciada para os seus clientes e aumento nas suas vendas.

Aproveite e conheça a Bagy, a plataforma de e-commerce com o melhor custo-benefício do mercado. Com as soluções oferecidas por ela, o seu negócio tende a crescer cada vez mais!

Jessica Azevedo

Marketing

Graduada em Turismo e pós graduada em Marketing Digital aplicado à Tecnologia da Informação. Tem na bagagem mais de 3 anos em SEO e tem como foco levar os melhores conteúdo para quem quer conhecer mais sobre o mercado digital.

Tenha um site pronto para sua loja vender!