Vendas

Varejo Criativo: saiba hora de cativar o seu público

Varejo criativo

Veja o que você irá encontrar neste artigo

o Varejo criativo pode se tornar uma estratégia alternativa para atrair potenciais clientes, assim como auxiliar na sua fidelização. Neste artigo você vai vai encontrar dicas para promover um varejo online em 2022.

O mercado online pode trazer muitas ferramentas que ajudam e muito a automatizar o trabalho de quem administra um website. 

Porém, para boas estratégias de marketing e boas vendas, a capacidade de ser criativo é insubstituível e não dependerá de nenhuma máquina. 

Sendo uma maneira importante para assegurar o sucesso das vendas, nesse artigo você encontrará soluções para um varejo criativo e, assim, chamar a atenção dos potenciais clientes (e também mantê-los fiéis à sua loja). Confira a seguir!

Tendências para o varejo online em 2022

Desde o 2020, o cenário mundial trouxe muitos desafios para quem trabalha com o comércio, especialmente o físico. Isso resultou em um crescimento considerável do comércio online. 

Hoje praticamente todos os segmentos do mercado já estão presentes na web. Com essa mudança de comportamento – tanto do consumidor quanto do comércio -, 2022 já começa com mais tendências na hora de comprar e vender online. 

Quer saber no que investir para garantir um bom número de vendas? Confira a seguir!

Ganho de escala

O comércio online possibilita que seu produto possa chegar na mão de mais clientes. Por isso, além de investir na sua loja, é necessário pensar em uma logística de entrega. 

E o resultado é garantido: a ampliação do mercado pode ser uma salvação para quem comercializa em 2022.

Facilidade no pagamento

Muito provavelmente você está usando Pix para efetuar algum pagamento ou transferência não é? Essa nova ferramenta de pagamentos pode ajudar e muito a sua empresa. 

Com uma adesão significativa já nos seus primeiros meses, invista em uma logística de pagamento que possa incluí-lo. 

E não somente ele: pagamento pelo cartão, boleto bancário e outras ferramentas como o PagSeguro, Mercado Pago e PicPay podem garantir que o seu cliente não desista da compra no último momento: o de pagar.

O Marketplace pode ser uma solução!

Com o crescimento do comércio online, crescem também as formas de se vender. Uma opção que tem cada vez crescido mais, e fomentada pelo cenário de distanciamento social e pandemia, é o marketplace.

Nesse modelo, você lojista inscreve seus produtos em outra loja maior, que mediará a sua relação com o cliente e efetuará a venda. 

Assim, ele pode estar buscando um produto aleatório e acabar esbarrando no seu, levando junto no mesmo carrinho. Uma ótima chance de ser visto e, claro, vender mais.

Customização e personalização

Como veremos melhor adiante, o cliente está cada vez mais interessado em ter uma boa experiência de compra. E isso inclui se ver naquela marca, naquele produto e, até, ter a possibilidade de participar ativamente do processo de confecção.

Se você é um varejista de um produto artesanal, busque formas de vender produtos customizados. Assim, você entrega um produto único que é a cara – e o desejo – do seu consumidor.

Dicas para um varejo criativo

Com base nas tendências para o comércio online nos próximos anos que falamos acima, agora é preciso pensar em soluções que as complementam e não vão contra tais ideias — logicamente, esse é o momento para pensar fora da caixa. Veja algumas soluções básicas:

Estreite o seu contato com o público

As redes sociais têm sido cada vez mais usadas para o contato de uma empresa e seus consumidores.  Por isso, busque trocar informações com o público e esclarecer dúvidas. Conheça quem te segue e faça com que ele se mantenha interessado no seu feed de notícias. 

E, se mantenha interessado nele também! De entender os seus memes até as dores e necessidades atuais, conhecer o seu público ajuda e muito a sua empresa a encontrar a forma de abordagem e criar uma relação de confiança dele para com o seu negócio.

Esteja por dentro das notícias

Para realizar o que mencionamos acima, antes de tudo, é preciso estar ciente do que ocorre ao seu redor. Em situações delicadas, é melhor evitar postar uma campanha de mau gosto e prejudicar o seu negócio.

Além do mais, é interessante para o público notarem que sua empresa não está apenas em busca de vender algo, mostre seus valores e ideais na prática. Deu pra ver que humanizar a sua empresa é uma necessidade para sobreviver ao mercado e a concorrência, não é?

Os bastidores também contam!

Ainda focando nas redes sociais, é interessante mostrar como é feito um determinado processo, um produto artesanal e como a empresa trabalha como um todo. 

Acredite, o público gosta de conhecer esses aspectos. É uma chance dele se identificar com sua loja, seu trabalho, e, até ver mais de perto a qualidade do seu serviço e dos materiais utilizados na fabricação.

Invista em um bom conteúdo

Bom humor, criatividade, memes: tudo isso pode ajudar você a entreter o seu cliente. Isso pode causar um engajamento maior dos seus seguidores nas suas redes sociais.

Desse modo, são maiores as chances dos seus anúncios chegarem a mais gente. Aliás, os próprios algoritmos das redes sociais te dão essa ajudinha. Quanto mais eles interagem, maiores as chances do seu conteúdo aparecer na frente de outros quando abrirem os sites ou aplicativos.

Mas não se esqueça: tudo tem que ser bem dosado!

Conclusão

Com a crescente adesão de lojas e consumidores no mercado digital, é preciso estar atento na hora de cativar o seu cliente em potencial. As coisas podem mudar muito rápido e demandas novas podem surgir. E isso vai exigir que os lojistas sejam cada vez mais criativos.

Apenas estar presente nas redes sociais e no comércio online não é suficiente. Se destacar é essencial neste mercado, que é uma grande vitrine em que você está ali concorrendo com diversas outras lojas. 

Um varejo criativo em 2021 é aquele que, essencialmente, entende o seu público. Que tal guiar suas estratégias criativas a partir daí? Veja o que seu público sente, quer, precisa. 

Como ele quer pagar, o que ele vai consumir, onde ele está. Criar essa relação é fundamental para que ele sinta confiança em você e na sua marca. E, essa relação é bilateral, então mostre o lado humano da sua loja. 

E para você lojista criativo, nada melhor do que vender em uma plataforma intuitiva e que te dá diversas possibilidades, não é? Traga sua loja para o Bagy! Aqui oferecemos um suporte completo para você iniciar a sua loja virtual sem se preocupar com o gerenciamento completo da plataforma. Tudo isso com recursos que vão potencializar muito o seu negócio. Experimente o Bagy e boas vendas!

Jessica Azevedo

Marketing

Graduada em Turismo e pós graduada em Marketing Digital aplicado à Tecnologia da Informação. Tem na bagagem mais de 3 anos em SEO e tem como foco levar os melhores conteúdo para quem quer conhecer mais sobre o mercado digital.

Receba uma análise para impulsionar sua loja!

Preencha no nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas para melhorar suas vendas!

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.

Preencha nosso formulário para obter uma avaliação personalizada da sua loja e dicas exclusivas para melhorar suas vendas.