Marketing

Marketing de atração: o que é, as vantagens e como implementar essa estratégia para conseguir clientes

Aprenda tudo sobre marketing de atração

Veja o que você irá encontrar neste artigo

O marketing de atração, também conhecido como Inbound Marketing, é uma estratégia adotada pelas principais empresas do Brasil e do mundo, pois permite criar um relacionamento duradouro com os clientes em potencial e realizar vendas orgânicas.

Por meio desta estratégia, não há necessidade de ser invasivo ou sufocar as pessoas com muitos anúncios, e-mails ou ligações diárias, por exemplo.

E, apesar de parecer simples, esta é uma estratégia que pode gerar resultados incríveis, aumentar as vendas da sua loja e criar fãs da sua marca. Continue lendo!

O que é marketing de atração?

O marketing de atração, ou inbound marketing, é um método que auxilia os clientes em potencial a encontrarem a sua empresa mais facilmente.

Ele funciona fornecendo informações e conteúdos valiosos sobre a sua marca e os seus produtos ou serviços, antes mesmo do cliente sentir interesse em comprar, para que eles sejam educados e convencidos a realizar uma compra na sua loja.

Esta é uma estratégia poderosa, pois:

  • ajuda a gerar novos clientes em potencial;
  • aumenta a fidelidade à sua marca;
  • faz com que a sua marca seja diferente da concorrência;
  • concentra os esforços de marketing no que torna o seu produto ou serviço mais atraente;
  • e, por fim, tem maior probabilidade de gerar vendas orgânicas.

Veja este exemplo de marketing de atração:

Uma empresa de artigos para decoração deseja aumentar as suas vendas orgânicas e começa a investir na estratégia de marketing de atração.

Então, semanalmente, a marca decide começar a oferecer oficinas gratuitas de DIY (Do It Yourself) para as donas de casa que desejam realizar pequenas reformas na decoração da sua casa.

Nesta primeira etapa, a marca não oferece nenhum produto da sua loja e as aulas são realmente gratuitas.

Durante este período, a empresa começa a criar lealdade e confiança com as participantes das aulas, o que torna os seus produtos mais atraentes para o seu público e os torna mais propensos a comprar dela.

Ao compartilhar conteúdo educacional acessível, a marca mostra o quanto se importa com os seus clientes em potencial.

No momento em que elas tomarem uma decisão de compra, a marca de artigos de decoração já estará na mente dessas pessoas e será a primeira a ser lembrada.

Quais são os tipos de marketing?

Os principais tipos de marketing são:

  1. Outbound Marketing;
  2. Inbound Marketing;
  3. Marketing Digital;
  4. Marketing de Relacionamento;
  5. Marketing de Produto;
  6. Endomarketing.

Quais são os estágios do marketing de atração?

O marketing de atração se divide em quatro etapas simples:

  1. Atração;
  2. Conversão;
  3. Fechamento;
  4. Encantamento.

Atração

Na primeira etapa, como o próprio nome já diz, a ideia é atrair o seu cliente em potencial para o site da sua empresa.

Você pode fazer isso ao criar um conteúdo interessante para a audiência, que resolve um problema que ela possui na sua rotina ou que a ajuda a identificar qual o problema dela.

Conversão

Na segunda etapa, o propósito é conseguir o contato daquele cliente potencial que foi atraído até o seu site.

Agora que ele está lá, como você conseguirá falar com ele? Isso pode ser feito oferecendo materiais gratuitos, como um e-book, aulas, lives ou ferramentas, por exemplo.

Estes materiais, além de educar este cliente e instigar a sua curiosidade, também farão com que você consiga o seu contato e comece o processo de venda.

Fechamento

Já na terceira fase, o seu cliente em potencial já entende que possui um problema, pois ele foi educado por você, por meio dos conteúdos no seu site e o material gratuito que você ofereceu.

No entanto, neste momento, ele quer decidir como resolver o problema que possui.

O seu papel aqui pode ser atuar com consultorias gratuitas, testes, gráficos comparativos com os seus concorrentes e outros métodos para ajudá-lo a tomar a decisão mais importante do marketing de atração: escolher comprar de você.

Encantamento

Depois que ele comprar de você, o processo termina, certo? Errado!

Depois de fechada a compra, é hora de encantar o seu cliente e oferecer uma experiência incrível com a sua marca.

Você pode fazer isso ao enviar e-mails com sugestões de como o seu produto pode ser usado, pesquisas de satisfação, descontos em novas compras, brindes, entre outros.

Por que vale a pena investir no marketing de atração?

Veja quais são os principais motivos para você começar a investir em marketing de atração na sua loja a partir de hoje.

Melhora do relacionamento

Há poucos anos, bastava você entrar em um site para ser engolido por diversos anúncios, propagandas e vírus. Lembra disso?

Sem contar com as inúmeras ligações de telemarketing, os SMS invasivos ou os e-mails que chegam na nossa caixa de entrada sem pedir permissão.

Se você se sentiu mal só em pensar nessas situações, então, acredite, o seu cliente também não gostaria de ser bombardeado com essas estratégias de vendas.

Não é à toa que o marketing de atração é uma estratégia poderosa, pois faz com que o seu cliente venha até você por livre e espontânea vontade e só compra de você após criar um relacionamento, e não por pressão.

Com isso, é muito mais fácil criar uma amizade verdadeira com os seus clientes e transformá-los em fãs da sua marca, que retornam com frequência e indicam a sua loja para outras pessoas.

Redução de custos

Além da melhora no relacionamento com os seus clientes, investir em marketing de atração também tem inúmeras vantagens na redução de custos.

Afinal, antigamente, era preciso investir milhares de reais em uma propaganda no horário comercial do Jornal Nacional para conseguir atingir um grande público. O que, é claro, não era uma ação acessível para todas as empresas.

Com o passar dos anos e o surgimento do marketing de atração, fazer a propaganda da sua marca ficou muito mais barato, afinal basta você investir em um bom site e tempo para produzir conteúdos valiosos.

Construção de autoridade

Imagine que você escreve todos os dias no seu site e possui leitores assíduos que procuram os seus textos, pois sabem que lá encontrarão todas as respostas para as suas principais perguntas.

Até que um dia esses mesmos leitores se encontram em uma situação-problema, cuja não sabem como resolver, mas lembram de você e o procuram imediatamente para contratar o seu produto ou serviço.

Isso é autoridade. Você pode achar que construir conteúdos gratuitos nas redes sociais, no seu site ou blog é uma perda de tempo, mas, a médio-longo prazo, você se tornará uma autoridade no mercado em que atua e será a primeira marca a ser lembrada pelos seus potenciais clientes.

Resultados mensuráveis

Além de todas as vantagens anteriores, investir em marketing de atração significa saber de onde cada cliente está vindo e quanto dinheiro entra no seu caixa a partir desta estratégia.

Algo que seria quase impossível de ser feito, se você investisse em um outdoor, por exemplo.

Como usar o marketing de atração?

Conheça seu público

O primeiro passo para usar o marketing de atração, é conhecer bem o seu público.

Você pode criar uma pesquisa, conversar com clientes antigos ou abrir uma enquete nas suas redes sociais. O importante é entender:

  • qual é a idade do seu público;
  • nível de escolaridade;
  • ocupação profissional;
  • principais desafios;
  • o que gostam e o que não gostam;
  • entre outras perguntas que sejam relevantes para você.

Para que as suas ações de marketing de atração alcancem os melhores resultados, é preciso que você consiga a resposta para essas perguntas, desenhe o seu público e crie estratégias pensadas nele.

Elabore um planejamento de marketing

Agora que você já sabe quem é o seu público, é hora de montar o seu planejamento. Afinal, de nada adianta criar no escuro e não saber para onde está indo, certo?

Neste plano, você precisa pensar sobre os principais objetivos das suas estratégias de marketing e quais serão as ações a serem aplicadas nos próximos três meses, por exemplo.

Monte um plano que seja aplicável, fácil de entender e que você consiga dar início agora, com os recursos que possui.

Invista nas mídias digitais

Estar nas principais mídias digitais não significa apenas fazer um perfil no Instagram, é preciso compreender onde o seu público está e começar a construir as suas estratégias nessa plataforma.

Veja algumas possibilidades:

  • Instagram;
  • Facebook;
  • LinkedIn;
  • Pinterest;
  • TikTok;
  • YouTube;
  • Blog;
  • Site;
  • E-mail marketing;
  • Entre outros.

Tenha uma estratégia de SEO

SEO é uma sigla para Search Engine Optimization, que significa “otimização para mecanismos de busca”.

O objetivo desta técnica é que o seu site apareça no topo das buscas, quando o seu fizer uma pesquisa no Google, por exemplo.

Algumas das principais técnicas de SEO envolvem ter um site com um excelente tempo de carregamento, uma boa experiência para o usuário e conteúdos que agreguem valor ao seu público.

Preze pela experiência do usuário

Por fim, lembre-se que para alcançar o sucesso das suas estratégias, é preciso investir na experiência dos seus clientes.

Como eles se sentem quando chegam até a sua empresa? O seu site carrega rápido? Os conteúdos são fáceis de ler e de entender? Ele consegue, facilmente, encontrar as informações sobre os seus produtos e realizar uma compra ágil? Além disso, depois de realizar a compra, ele continua sendo bem atendido?

Tudo isso ajudará a revelar se a experiência que você proporciona aos seus clientes em potencial está boa ou ruim. E, é claro, se a experiência for boa, ele voltará e continuará comprando da sua marca.

Quais são as principais técnicas de marketing de atração

SEO

SEO, ou apenas otimização para mecanismos de busca, é uma técnica onde você melhora o seu site e blog para aumentar a visibilidade dele, quando as pessoas pesquisarem por palavras relacionadas aos seus produtos ou serviços no Google, Bing e outros mecanismos de pesquisa.

Quanto melhor a visibilidade das suas páginas nos resultados de pesquisa, maior a probabilidade de você chamar mais atenção e atrair clientes em potencial para a sua empresa.

Blog

Um blog é uma espécie de site informativo, no qual exige postagens em ordem cronológica. Até pouco atrás, ele funcionava como um diário pessoal, onde adolescentes depositavam textos, músicas, imagens e outros arquivos.

Com o passar dos anos, o blog se tornou um canal de compartilhamento de conteúdo e criação de uma comunidade assídua que ia, diariamente, até os seus blogs favoritos para ler os posts mais recentes.

Essa ideia chegou até as marcas que também começaram a utilizar o blog para compartilhar conteúdo, mas principalmente sobre assuntos relacionados ao seu negócio, a fim de criar um relacionamento com os seus clientes.

Site

Este não precisa de muitas explicações, certo? Um site é um conjunto de páginas que compartilham de um mesmo domínio e pode ser criado por uma empresa para:

  • apresentar a história da companhia;
  • mostrar números;
  • cases de sucesso;
  • apresentar os principais produtos;
  • reunir fotos da organização;
  • endereço;
  • telefone;
  • e outros dados relevantes para a marca.

Um site é como um escritório online, onde o seu cliente poderá entrar para conhecer melhor a sua empresa e ter certeza se a marca é confiável, antes de realizar uma compra.

E-mail marketing

De forma geral, o e-mail marketing é uma estratégia de envio de e-mails para uma lista de pessoas que deram permissão para receber comunicações.

Você pode usar o e-mail marketing para informar informações úteis para essas pessoas, impulsionar as vendas ou criar uma comunidade em torno de sua marca, por meio do envio semanal de uma newsletter, por exemplo.

O e-mail marketing moderno é completamente diferente do envio de mensagens em massa, sem propósito. Ele, na verdade, atua por meio do consentimento, segmentação e personalização.

Ferramentas de automação

Complementando a técnica anterior, as ferramentas de automação são tecnologias capazes de otimizar tarefas repetitivas, como o envio de e-mails, por exemplo.

Algumas das ferramentas de automação existentes:

  1. automação de marketing;
  2. atendimento via chat online;
  3. gerenciamento de redes sociais;
  4. segmentação de leads;
  5. envio de mensagens;
  6. entre outros.

Eventos

Uma outra maneira de aplicar o marketing de atração na sua empresa, é por meio dos eventos.

Além de ajudar a construir uma presença da marca antes, durante e depois do evento, você pode gerar leads, gerar novas vendas e também novas oportunidades. 

O marketing de eventos também ajuda a promover um produto ou recurso específico e aumentar a satisfação, retenção e engajamento geral dos clientes.

Redes sociais

Por fim, chegamos nas já conhecidas e utilizadas redes sociais. 

O marketing de atração nas redes sociais fornece às empresas uma maneira de se envolver com os clientes existentes e alcançar novos, permitindo que eles promovam sua cultura, missão ou tom desejados.

Além disso, as redes sociais também possuem ferramentas de análise de dados criadas especificamente para permitir que você possa acompanhar o sucesso de seus esforços.
Este conteúdo ajudou você a entender o que é e as vantagens do marketing de atração? Então, continue lendo o blog da Bagy e veja também estas 12 dicas para aumentar as vendas da sua loja. Boa leitura!

Jessica Azevedo

Marketing

Graduada em Turismo e pós graduada em Marketing Digital aplicado à Tecnologia da Informação. Tem na bagagem mais de 3 anos em SEO e tem como foco levar os melhores conteúdo para quem quer conhecer mais sobre o mercado digital.

Tenha um site pronto para sua loja vender!